11/09/2018

Análises mais importantes para a caracterização da biomassa


Continuando a apresentação das análises mais importantes para a caracterização da biomassa como combustível e dimensionamento de geradores de vapor, hoje abordaremos aquela que julgamos mais importante, teor de umidade da biomassa.

O teor de umidade é uma variável muito importante para o aproveitamento energético da biomassa, pois é a que mais influência no poder calorífico, inclusive mais que a espécie da madeira (no caso de biomassa florestal), visto que a presença de água tem relação com o poder calorífico do combustível de modo inversamente proporcional. Quanto maior o teor de umidade, menor será a quantidade de energia útil para o sistema de geração de energia. Além de representar perda de energia, gasta para a evaporação, se houver grande e frequente variação no teor de umidade, o processo torna-se de mais difícil controle. Este aspecto é importante em se considerando que o teor de umidade na madeira pode variar numa escala bastante ampla. Seu valor pode ir desde 10% na madeira seca ao ar até 60% na madeira recém cortada. Para madeira em geral o teor de umidade utilizado para cálculos está em torno de 45 a 55%, sendo a média de 50% para projetos de caldeiras. Considera-se que para cada 1 kg de água contida na madeira são necessários em torno de 600 kcal de energia, na forma de calor, para evaporá-la, os quais devem ser deduzidos do seu poder calorífico.

Voltar

2019 Solumad Soluções e Inovações em tecnologias de madeiras Ltda